Buscar

VER E FAZER CINEMA NA MATA

Atualizado: Jun 15

Mostra de Cinema Ambiental do Cine.Ema sai de Burarama pela primeira vez e será realizada dentro da Reserva Ambiental Águia Branca, em Vargem Alta



Cine.Ema em Vargem Alta - Reserva Ambiental Águia Branca, foto de Débora Benaim

Já pensou ir ao cinema de um jeitinho totalmente diferente, com uma tela cercada de árvores, cachoeiras e muitos passarinhos? Pela primeira vez fora de casa, o Festival de Cinema Ambiental do Espírito Santo (Cine.Ema), realizado há quatro edições em Burarama, apresenta o melhor de suas obras audiovisuais em uma experiência inédita e incrível dentro da mata, na Reserva Ambiental Águia Branca, nas montanhas de Vargem Alta (ES).

Com programação selecionada, as mostras do festival trazem filmes de ficção, animação e documentário que refletem sobre as questões ambientais do nosso tempo, além de música, oficinas e outras atividades para adultos e crianças. As ações educativas incluem oficinas de cinema e de vídeo ambiental e observação de aves dentro e fora da reserva. J

O produtor Léo Alves, da Caju Produções, destaca que o Cine.Ema Itinerante oportuniza a realização do projeto em outras áreas que tenham sinergia com o meio ambiente. “O evento sai de um corredor ambiental para uma reserva nas montanhas capixabas. Esta é uma experiência inédita, uma oportunidade de praticarmos as nossas ações de educação ambiental em outros territórios do Espírito Santo”, comemora. A Reserva Ambiental Águia Branca fica no Km 303, Rodovia ES-164, em Vargem Alta.



Foto de Débora Benaim

O Cine.Ema


Inspirado na Pedra da Ema, cartão postal e ícone paisagístico e natural do interior do Espírito Santo, o Festival de Cinema Ambiental e Sustentável do Espírito Santo (Cine.Ema) é um projeto social e cultural de ampliação da consciência ambiental através do cinema, difundindo obras audiovisuais que tematizam e refletem sobre o meio ambiente e o desenvolvimento sustentável em mostras gratuitas. Amparado em três eixos principais que sustentam sua proposição (comunidade, memória e educação) o evento tem como objetivo principal a formação de público do interior no audiovisual.

Reserva Ambiental Águia Branca


Cercada do verde da Mata Atlântica, a Reserva Ambiental Águia Branca, com 2.225 hectares, constitui um dos fragmentos maciços primários de Mata Atlântica do Espírito Santo. Localizada entre os Parques de Forno Grande e da Pedra Azul, contribui para a conexão entre as duas Unidades de Conservação, interligando fragmentos florestais e preservando a biodiversidade, sendo relevante para as Bacias Hidrográficas de Rio Novo e Itapemirim, já que as florestas desempenham papel importante para a infiltração da água no solo.


Reserva Águia Branca - Foto de Léo Merçon

Na reserva há a ocorrência da saíra-apunhalada (Nemosia rourei), que figura na lista dos animais ameaçados de extinção. A ave é típica da região e chegou a ser considerada extinta por mais de 50 anos. Contudo, no final da década de 1990, pesquisadores comprovaram sua existência nas Regiões Sul e Serrana do Espírito Santo. O local é bastante procurado por observadores de pássaros de todo o mundo.

O Cine.Ema Itinerante em Vargem Alta tem o apoio da Prefeitura Municipal de Vargem Alta e da Reserva Ambiental Águia Branca, com o patrocínio do Grupo Águia Branca. O evento é uma realização da Caju Produções, Instituto Últimos Refúgios e Ministério da Cultura através da Lei de Incentivo à Cultura.

1 visualização

from Caju Produções 2020

Rua Aleixo Neto, 636, fundos, Praia do Canto

- Vitória - ES CEP: 29.055-260